Pesquisar
Close this search box.

Chile abre mercado para mamão brasileiro

Em 2022, as importações mundiais totalizaram US$ 378,18 milhões

Brasil e Chile concluíram os procedimentos referentes à abertura do mercado chileno ao mamão fresco (“carica papaya”) para consumo, após a revisão de certificados e auditorias “in loco” que subsidiaram a análise e o estabelecimento de requisitos fitossanitários.

O Brasil ocupa a segunda posição entre os principais exportadores mundiais de mamão “papaya”. No ano passado, as nossas exportações alcançaram US$ 49,71 milhões, representando 15,3% do comércio mundial do produto.

Estima-se que o consumo chileno de mamão “papaya” aumentará nos próximos anos, juntamente com o aumento da demanda chilena por outras frutas tropicais. O Chile importou, em 2022, cerca de US$ 326 milhões em frutas e o Brasil foi o seu 4° maior fornecedor.

O resultado positivo alcançado é fruto dos esforços conjuntos entre o Ministério da Agricultura e Pecuária (Mapa) e o Ministério das Relações Exteriores (MRE).

Fonte:  MAPA | Noticias Agrícolas
AMVAC DO BRASIL

AMVAC DO BRASIL

As soluções da AMVAC do Brasil proporcionam maior produtividade às culturas, contribuindo para uma agricultura melhor e mais sustentável, garantindo a longevidade do mundo.

COMPARTILHE!
Facebook
Twitter
LinkedIn
Telegram
WhatsApp
Print
Email